quinta-feira, 21 de dezembro de 2006

Antes é que era bom

Em 1968, a senhora X concorreu a um concurso para a Câmara Municipal Y. Para além do seu requerimento de candidatura, teve de entregar mais duas declarações. A primeira dizia o seguinte:

"... nos termos do artigo 3º da lei n.º 1901 de 21 de Maio de 1935, declaro, pela minha honra, que não pertenço nem jamais pertencerei a associações ou institutos secretos definidos no artigo 2º da lei acima mencionada."

A segunda:

"... declaro por minha honra que estou integrada na ordem social estabelecida pela Constituição Política de 1933, com activo repúdio do comunismo e de todas as ideias subversivas."

Eram bons tempos não eram Senhor Presidente do Conselho?




2 comentários:

Goncalo Veiga disse...

"Naquele tempo é que havias de ver! Não tinhas açucar e só tinhas um par de sapatos, que era o calçado de Domingo, blah blah blah!"

As pessoas que dizem isto deviam ter morrido todas naquela altura. Pelo menos não chateavam aqueles que agora têm e não têm culpa de ter. É a economia.

;) Naquele tempo é que era bom, né? Ceeeeerto. :p

Marco Oliveira disse...

Feliz Natal!!