domingo, 26 de novembro de 2006

Opinião de Mike Patton


Mike Patton é um dos músicos que mais admiro devido à sua criatividade, orginalidade, audácia e inquietude. Para além de ter sido vocalista dos saudosos Faith No More, participou ou participa em projectos como Mr. Bungle, Fantomas, Tomahawk, Peeping Tom, Lovage, etc., e tem colaborações com artistas como John Zorn, Rahzel, Kaada, entre outros.
Achei muito curiosa a sua opinião sobre os Wolfmother, uma jovem banda com fortes influências do rock dos anos 60 e 70. Já ouvi o álbum dos Wolfmother mas confesso que tenho de o fazer de novo para construir uma opinião sólida. À primeira vista pareceu-me algo simples embora o single Woman, que se ouve neste vídeo, tenha uma malha cativante. Mas percebo o pensamentode Patton apesar de considerar que há coisas muito piores para nos fazer vomitar.

3 comentários:

vinte e dois disse...

Já ouvi, e tenho por aqui não sei muito bem onde o álbum dos Wolfmother e até se ouve bastante bem. Não estava era a reconhecer este tipo como tendo feito parte dos Faith no More :)

Goncalo Veiga disse...

Pois... Prefiro o hard-rock (?) dos anos 70, de bandas como Led Zep e Deep Purple, do que alguma vez gostei de Faith No More...

Ele está só a tentar ser "cool" e "hip". Nos canais de música tudo assim o parece...

Enfim, gostos não se discutem!

FL disse...

Mike Paton era o exuberante e talentoso vocalista dos Faith No More.
Bem Gonçalo, acho que a embirração, em tom de gozo, do Patton não é com o rock dos 60 e 70 mas antes com o que ele considera imitações ou "bandas sob a influência de" que trazem pouco de novo ao panorama musical. Agora vou ter de ouvir melhor o álbum dos Wolfmother hehe.
Quanto ao ser cool e hip, não é essa a ideia que tenho dele. A meu ver, é um gajo simples e musicalmente algo underground (talvez para alimentar o ego) que não consegue estar quieto.
Vou colocar alguns vídeos dos seus projectos.
Estou a ver que também e´s grande fã de Led. ;)